domingo, 23 de agosto de 2015

74.

Parece-me que esta época vou falar mais do Sporting fora de campo do que propriamente dentro dele.

Não é (espero eu) novidade para nenhum dos meus amigos que sou doente, que, podendo, sigo o Sporting até ao fim do mundo, mas também não é (espero eu) novidade para nenhum dos meus amigos que sou uma Sportinguista diferente da grande maioria, que sei cascar na minha equipa, que sei assumir créditos de outros e falhas nossas. E, nesse sentido, venho repudiar total e completamente o que se passou ontem em Alvalade DEPOIS do jogo contra o Paços de Ferreira (1-1).

Por motivos mais importantes (sim, o Sporting é quase tudo mas não é tudo), não estive no estádio e nem sequer o jogo vi. Não vi lances nenhuns, não vi comentários "oficiais"... Nada! Mas constou-me que o meu clube foi (mais uma vez) prejudicado pela arbitragem. E é aqui que começam as minhas divergências com restantes sportinguistas (destes... com "s" minúsculo).

Por mim, o Sporting tem que ganhar sempre, marcar um golo de 10 em 10 minutos, correr o equivalente a uma ultra maratona, comer a relva até que se veja petróleo. Mostrar dentro de campo, durante 90' quem somos, do que somos feitos. Não deixar que árbitro nenhum tenha hipótese de nos anular golos importantes, ou desviar os olhos para não ver um penalti decisivo, Por mim, o Sporting jogava sempre sem se desculpar com apitos. Mesmo que com toda a razão do mundo... Eu quero ser do Sporting que diz "Fomos roubados até ao além, mas ganhámos, c"#%//&. Somos os maiores. Inchem cabeçudos!".
Não quero nunca que me associem aos adeptos que apedrejam carros de árbitros, que se vangloriam de que devia ter morrido. Eu não sou desse clube! Aliás... Eu sou. Essa gente é que não devia ser.

Ser (do) Sporting é exigir respeito dentro de campo e não exigir medo fora dele.
Ser (do) Sporting é respeitar as ordens de não usar pirotecnia para evitar multas, e não apedrejar  carros seja de quem for correndo o risco de ninguém entrar no estádio por castigos de jogos à porta fechada.

Eu não sou deste Sporting! (E espero que BdC tenha a decência de emitir um - outro - comunicado a repudiar toda esta situação, e a fazer saber quem foram os responsáveis por tal selvajaria... Castiguem esses!).

3 comentários:

Urso Misha disse...

Pelo que vi hoje nas noticias o BdC só emitiu imagens dos Simpsons e os seus acólitos rejubilam, pelo que continua tudo na mesma, um presidente que veio da Juve Leo não é de esperar muito, além disto.
Jogaram o suficiente para ganhar, mas o futebol não é justo...

Suricate disse...

Lamento muito toda a peixeirada que se anda a passar. Lamento ainda mais dizer-te que foi o próprio bdc que disse "estamos em guerra"...mesmo que venha o comunicado, as atitudes dizem outra coisa. Quando o JJ mudou de clube eu achei que a coisa ia dar muito para o torto...mas agora vendo a postura tanto de presidente como de treinador percebo que são mesmo almas gémeas, escumalha da pior. Por enquanto é só beijinhos e abraços...espera pela primeira zanga das comadres...
Isto não vai correr nada bem não e quem perde é o futebol.

Jinhooooooossssss

Jedi Master Atomic disse...

E passou mais uma jornada em que fomos roubados, mas vá lá que ganhamos.